21 aberturas de seriados que marcaram época

Você provavelmente já se pegou cantarolando aquela música que embala os episódios da sua série favorita. Não está sozinho, amigo. É impossível não se empolgar quando aquele seriado inesquecível começa. Pode cantar junto sem culpa: entre clássicos de ontem e clássicos instantâneos, relembre 21 aberturas de seriados que marcaram época:

1. Zorro

Caso avistasse um cavalo subindo a montanha era fácil saber: o Zorro estava chegando. O charmoso alter-ego de Don Diego de la Vega foi criado pelo escritor Johnston McCulley e fez sua primeira aparição na telinha no seriado da Disney veiculado originalmente entre 1957 e 1959.

2. A Feiticeira

Quem nunca tentou imitar a charmosa (e poderosa) mexidinha de nariz da bruxa Samantha? A Feiticeira foi transmitida na TV estadunidense entre 1964 e 1972, mas ganhou status de clássico eterno das telinhas – vira e mexe é exibida no Brasil. Mais recentemente, fez parte da programação da Rede Brasil.
3. Família Adams

Como esquecer da família excêntrica formada por Gomez, Mortícia, Vandinha, Feioso, Tio Chico, Primo Coisa e Mãozinha? Os macabros personagens, criados pelo cartunista Charles Addams, estampavam uma tirinha semanal antes de irem parar na TV. O seriado, que foi ao ar entre 1964 e 1966, imortalizou o clássico tema composto por Vic Mizzy. Impossível não estalar os dedos junto.

Leia também: 18 aberturas inesquecíveis de desenhos animados

 

4. Jeannie é um gênio

As desventuras do Capitão Nelson e a desastrada Jeannie foram ao ar originalmente nos EUA entre os anos de 1965 e 1970, mas é tão icônica que até hoje aparece na telinha – no Brasil, já foi exibida pela Globo, Record, Tupi, Warner, RedeTV! e, atualmente, pode ser vista na Rede Brasil.

 

5. Batman

O clássico seriado, que foi ao ar entre 1966 e 1968, não levava o seu herói tão a sério – o morcegão atrapalhado e fora de forma vivido por Adam West em nada se parece com o Cavaleiro das Trevas que hoje conhecemos. Mas foi a abertura desta série que imortalizou o inesquecível tema do Batman, composto por Neal Hefti.

 

6. Star Trek

A jornada nas estrelas – que tinha a missão audaciosa de ir onde nenhum homem jamais esteve – começou em 1966. O seriado original, que trazia William Shatner e Leonard Nimoy no elenco, foi exibido até o ano de 1969.

 

7. Os Trapalhões

Em 1966, na TV Excelsior, Didi Mocó, Dedé Santana, Mussum e Zacarias já eram famosis por suas trapalhadis na telinha. O quarteto fantástico brasileiro passou também pela Record e pela TV Tupi antes de estrearem na Globo, em 1977.

 

8. Sítio do Pica-Pau Amarelo

Entre 1977 e 1986, a Rede Globo levou Emília & Cia. para a telinha. Apesar de não ter sido a primeira série inspirada na obra de Monteiro Lobato (Rede Tupi, TV Cultura e Band produziram outras versões nas décadas de 1950 e 1960), esta é a mais conhecida e popular versão na telinha.

 

9. Chapolin

Mais ágil que uma tartaruga, mais forte que um rato, mais inteligente que um asno, ele é o… Chapolin Colorado! Era assim que começavam as desventuras do “super-herói” falido que tanto amamos. Originalmente exibido entre 1970 e 1979, o seriado mexicano comemora sua vida longa na telinha.

 

10. The Muppet Show

Pode ser uma surpresa, mas os Muppets estão por aí há um bom tempo: criados em 1955 por Jim Henson, na década de 1970 os amados fantoches já apresentavam um programa de variedades. O Muppet Show foi exibido originalmente entre 1976 e 1981.

 

11. Chaves

O garoto do número 8 é um ícone. Exibido originalmente no México entre os anos de 1980 e 1992, no Brasil Chaves é transmitido pelo SBT desde 1984. Isso, isso, isso.

 

12. Punky, a levada da breca

Abandonada pelos pais, a pequena Punky vive sozinha em um apartamento, tendo companhia apenas do cachorro Pink. Parece a receita para um drama pesado, mas a levada Punky Brewster conseguia ver o lado bom da vida no seriado exibido originalmente entre 1984 e 1988. No Brasil, a série foi exibida pelo SBT – e a música tema, que você aprendeu a cantar junto, foi composta por Mário Lúcio de Freitas e Marcelo Gastaldi.

 

13. MacGyver

Poucas pessoas conseguiriam fazer tanto estrago usando apenas um canivete suíço. MacGyver, o Chuck Norris dos detetives, encantou a todos com sua engenhosidade no seriado que foi ao ar entre 1985 e 1992.

 

14. Anos incríveis

Na TV norte-americana, Anos Incríveis foi exibida originalmente entre 1988 e 1993. Mas foi a partir de 1990, quando o seriado que acompanha o jovem Kevin Arnold passou a ser exibido na TV Cultura, que se tornou um clássico imediato no Brasil. Fácil entender o porquê: com a versão de Joe Cocker para a canção dos Beatles, With a Little Help From My Friends, a série fisga o público já na abertura.

 

Leia também: 50 desenhos e séries que bombaram nos anos 90

 

15. Clube do Terror

Hoje parece brincadeira de criança, mas se você foi adolescente na década de 1990 é possível que já tenha tomado um susto ou outro na companhia da Sociedade da Meia-Noite – grupo de crianças que se juntava para contar histórias de terror. A série foi exibida originalmente entre 1990 e 1996 na Nickelodeon.

 

16. Lei & Ordem

A série policial, criada por Dick Wolf, estreou na TV norte-americana em 1990. Cancelada em 2010, Lei & Ordem contou com 20 temporadas de sucesso que, não só renderam uma franquia de seriados policiais (Law & Order: Special Victims Unit, Law & Order: Criminal Intent e Law & Order: Los Angeles) mas influenciaram todo o gênero.

 

17. The Fresh Prince of Bell Air

Na década de 1980, Will Smith já era um rapper popular nos EUA, conhecido como “The Fresh Prince”. Mostrando que a arte imita a vida, em 1990, Smith foi para a telinha interpretar uma versão de si mesmo na já clássica The Fresh Prince of Bell Air. A série, exibida originalmente até 1996, serviu como a porta de entrada de Will Smith para Hollywood.

 

18. O mundo de Beakman

Em O mundo de Beakman, o amalucado Professor Beakman e sua turma mostravam que a ciência podia ser muito divertida. O programa, que foi ao ar entre 1992 e 1998 nos EUA, chegava a receber 1000 cartas por semana com dúvidas enviadas por crianças – de vulcões a espinhas, aparecia de tudo um pouco. E a gente adorava.

Leia também9 coisas que você não sabia sobre O mundo de Beakman

 

19. Nanny

Para criar Fran, a divertida e cheia de estilo babá de voz fanhosa, a criadora e protagonista da série que foi ao ar entre 1993 e 1999, Fran Drescher, se inspirou em eventos de sua própria vida. Conquistou assim a simpatia dos Sheffields – e a nossa também!

 

20. Castelo Rá-Tim-Bum

Nino, Zeca, Biba e Pedro protagonizavam aventuras diversas dentro do mágico Castelo Rá-Tim-Bum e encaravam bravamente o malvado Dr. Abobrinha (ou, como ele prefere ser chamado, o Dr. Pompeu Pompílio Pomposo). Criada pelo dramaturgo Flávio de Souza e pelo diretor Cao Hamburger, a clássica série foi ao ar originalmente entre 1994 e 1997.

 

21. Friends

 

Chandler, Monica, Ross, Rachel, Phoebe e Joey dispensam apresentações. Por 10 anos – entre 1994 e 2004 – eles foram os amigos que acompanhávamos na telinha. Impossível trocar de canal ao ouvir o comecinho de I’ll Be There for You, dos The Rembrandts.

 

Lembrou de outra abertura clássica? Conte para a gente nos comentários!

Fonte: http://super.abril.com.br/blogs/superlistas/21-aberturas-de-seriados-que-marcaram-epoca/

Matéria de: Jéssica Soares
Overdoses diárias de jornalismo, cinema, literatura, música e referências pop. Tudo sempre acompanhado por xícaras e mais xícaras de café.

(Editora Abril)

Posted under: Brasil, Curiosidades, Geral, Mundo, Notícias, Vídeos